CP 07

Móveis Reciclados: Amor por sua casa

Olá pessoal, como vão?

Atualmente usamos muito o termo SUSTENTALIBIDADE não é mesmo? Mas entre tantas coisas que vemos, lemos e/ou ouvimos que usam esse termo será que “aproveitamos” algo disso?

 Eu tenho uma amiga que professora que trabalha muito esse conceito com seus alunos. Ela desenvolve diversos trabalhos de jardim sustentável e reciclagem. Tentarei falar mais sobre isso em outro momento.

 Hoje na verdade eu queria mostrar para vocês que é possível usar alguns materiais aproveitando o que eles têm de melhor a nos oferecer.

Conhecem a expressão: – Bom, bonito e barato? Pois é, e que tal fazer algo assim em nossa casa?

Todo mundo aqui sabe o que é um caixote de feira ou um palete?

Bem para quem não se recorda, segue a imagem:

 

CP 01CP 02

 

 

 

 

 

 

 

 

Agora vocês reconheceram, não é mesmo?

 

Vou mostrar para vocês imagens de objetos ou móveis que é super possível de fazer para sua casa, e ao contrário do que muitos pensam se for algo feito com cuidado, pode ter como resultado um trabalho lindo.

 

CP 03CP 06CP 04CP 07CP 08CP 09CP 10

Como podem ver, muito se pode fazer com esses dois materiais. Na internet encontramos uma infinidade de ideias e dicas de como fazer.

Use, abuse de sua criatividade.

Nos trabalhos mais básicos o máximo que você irá usar é uma lixa, uma tinta base, e um verniz ou qualquer outra tinta.

Nos mais elaborados você pode usar desde rodinhas para adaptar aos objetos, ou decorá-los como mandar sua imaginação.

E o mais legal é que vai gastar pouco. Eu quando fiz uma para mim, não gastei quase nada, os caixotes eu ganhei do mercado, a tinta meu pai já tinha.

CP 11

Essa é a minha “estante” (rs), não ficou das melhores porque na época não fiz com os 4 caixotes do mesmo “modelo”, mas na próxima já sei onde errei e com certeza ficará ainda mais bonito (rsrs).

Então… mãos a obra, faça algo legal e faça você mesmo.

 

Beijos,

Fer

Comments

comments

Equipe Salvos Pelo AmorMóveis Reciclados: Amor por sua casa

Comments 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *